O Sacramento da Eucaristia

A Sagrada Eucaristia conclui o processo de iniciação na vida cristã. Participar do banquete eucarístico é participar do sacrifício do Senhor, seu grande mistério de encarnação, vida, morte e ressurreição!!!

Participar da Eucaristia é novamente viver tudo o que Jesus viveu e se entregar a ele na construção do seu Reino que é justiça e paz. É assumir o compromisso missionário de anunciar Jesus a todos os povos.

A Eucaristia, nesse sentido é a fonte e ápice (parte mais alta) da vida eclesial (comunidade, igreja). É o alimento da caminhada é a força do cristão.

Ao participar da Missa, celebração mais importante que existe na Igreja de Cristo, o fiel se une em comunidade (comum-unidade) à liturgia do céu (a Igreja Celeste) e assim se antecipa a vida eterna, quando, como afirma São Paulo, Deus será tudo em todos. (1 Cor 15, 28).

Eucaristia significa ação de graças a Deus! Celebrar a Eucaristia é um momento de graça, de reconhecimento do amor misericordioso de Deus na vida da humanidade.

Esse momento pode ser chamado por vários outros nomes: Santa Missa, Ceia do Senhor, Fração do Pão, Assembleia Eucarística, Memorial da Paixão e Ressurreição do Senhor, Santo Sacrifício, Santa e Divina Liturgia e Comunhão.

Em síntese:

“A Celebração Eucarística comporta sempre: a proclamação da Palavra de Deus, a ação de graças a Deus Pai por todos os seus benefícios, sobretudo pelo dom (presente) de seu filho, a consagração do pão e do vinho e a participação no banquete litúrgico pela recepção do Corpo e Sangue do Senhor. Esses elementos constituem um só e mesmo ato de culto”. (Catecismo da Igreja Católica - 1408)

Aprofunde sua fé:

Sugestão de leitura:

Catecismo da Igreja Católica – números: 1322 até 1418.

Jerry Adriano Villanova Chacon

Imprimir Enviar por email