A Unção dos Enfermos

Pela sagrada Unção dos Enfermos e pela oração dos presbíteros, a Igreja entrega os doentes aos cuidados de Jesus que também sofreu e sentiu dor, mas venceu tudo e isso e foi glorificado.

Jesus é quem salva e alivia a dor do enfermo que é associado à Paixão e à morte de Cristo.

A Unção, portanto, é o sacramento da esperança.

A graça especial do sacramento da Unção dos Enfermos tem como efeitos:

- a união do doente com a paixão de Cristo, para seu bem e o bem de toda santa Igreja;

- o reconforto, a paz e a coragem para suportar cristãmente os sofrimentos da doença ou da velhice;

- o perdão dos pecados, se o doente não pode obtê-lo pelo sacramento da Penitência;

- o restabelecimento da saúde, se isso convier à salvação espiritual;

- a preparação para a passagem à vida eterna.

Aprofunde sua fé:

Sugestão de leitura:

Catecismo da Igreja Católica – números: 1499 até 1532.

Jerry Adriano Villanova Chacon

Imprimir Enviar por email